A História

1984 - 1988

1989 - 1995

1996 - 2000

2001 - 2005

2005 - 2009

2010 - 2016

A caminho dos 25 anos

Num curto espaço de tempo, chegaram ao CUPAV o P. João Norton de Matos e, pouco depois, o P. Miguel Gonçalves Ferreira. Ideias e energias novas trouxeram nova cara ao empenho de sempre: tornar Deus presente no meio universitário. Grupos novos (como a CVX-U ou o projeto "Rabo de Peixe Sabe Sonhar") ou já veteranos (como os Gambozinos ou o Camtil) fizeram do CUPAV a sua casa e são o sinal do empenho da geração atual. É o CUPAV que se renova a caminho de um momento especial: os 25 anos.

Em Janeiro de 2005 chegou o P. João Norton de Matos, assumindo desde logo o cargo de diretor. Com a preciosa ajuda do P. Carlos foi sendo introduzido ao mundo do CUPAV. O Gabinete de Informação e Orientação Escolar cessou as suas atividades em 2006, o que levou a uma reformulação de espaços e procedimentos na organização do CUPAV. Em Fevereiro desse ano chegou o P. Miguel Gonçalves Ferreira, vindo dos EUA. Em Março houve em Lisboa uma caminhada noturna comemorando os 500 anos do nascimento de S. Francisco Xavier e a sua passagem por Lisboa.

Em Outubro de 2006, a propósito dos 22 anos do CUPAV, nasceu o Círculo Vieira: um espaço de intervenção e participação dos pós-universitários e antigos frequentadores do CUPAV. É o sucessor natural do espírito COTA. Em 2007, o P. Carlos deixou a direção do CUPAV, depois de 10 anos de intensa dedicação, mantendo-se ativo como colaborador, ligado sobretudo ao Círculo Vieira. O P. Miguel Gonçalves Ferreira assumiu a direção e chegou ao CUPAV o João Delicado, Jesuíta em formação, que ficou o diretor adjunto.

Em Fevereiro de 2008 festejaram-se os 400 anos do P. António Vieira, dedicando-lhe o encontro Fé e Justiça, que contou com a presença entusiasta de quase seis centenas de admiradores do grande missionário e pregador.